FAVORITAR
FecharPlease login

Nvidia lança plataforma Blackwell

A Nvidia apresentou recentemente sua mais recente família de produtos voltados à inteligência artificial e HPC (High-performance Computing, Computação de Alto Desempenho), que fazem parte da plataforma Blackwell, assim chamada em homenagem ao matemático e estatístico americano David Blackwell, professor emérito da University of California, Berkeley.  

Ao apresentar essa família, a Nvidia divulgou algumas de suas especificações e dados sobre desempenho, informando que os primeiros processadores Blackwell serão entregues ainda em 2024, mas que apenas em 2025 serão feitas entregas em volumes significativos.

No início deste ano, Mark Zuckerberg, CEO da Meta e um dos maiores clientes da Nvidia, disse que sua empresa compraria 350 mil GPUs Nvidia H100 este ano, além das 150 mil adquiridos em 2023. Zuckerberg disse esperar que a Meta tenha capacidade de processamento equivalente ao de 600 mil GPUs H100 até o final de 2024.

Além das GPUs propriamente ditas, a Nvidia tem oferecido servidores e até supercomputadores baseados na tecnologia H100. Agora, com Blackwell, é possível que a empresa coloque mais ênfase na venda dessas máquinas, ao invés de fornecer apenas GPUs.

Isso não significa que a empresa deixará de atender a clientes tradicionais, como Google e Microsoft, além da Meta, evidentemente. 

Esse mercado segue muito aquecido!

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Home » Hardware » Nvidia lança plataforma Blackwell

JUNTE-SE HOJE À COMUNIDADE EMBARCADOS

Comentários:
Notificações
Notificar
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Talvez você goste:
Nenhum resultado encontrado.